quinta-feira, 17 de julho de 2014

o sonho mora em mim

hoje mascarei meu rosto
de muitas cores,
para te ver no silencio
e no meio das flores!!!
não havia sorrisos
nesta face abstrata...
nas vi raios de sol
e ondas de prata!!!
metida a mascara
minguem reparou...
na palidez do meu rosto
porque a dor o assombrou!!!
voei nas alturas e toquei no céu...
implorei clemencia
e a ajuda de Deus!
avistei a guerra
onde não havia coração..
onde está a honra se não à dignidade
e não à
perdão!!!
se a vingança é mais forte
que o nascer de uma criança,
que o raiar da aurora,
onde mora o meu povo
aonde mora?!
não digo mais nada
que meu sonho é bandido
acredita num povo....
muito mais redimido!!!