sexta-feira, 18 de outubro de 2013

irradias luz

pouco depois nascia o sol
por entre o arvoredo irradia
pouco depois surgia a amanhã
 e na hora certa, a deusa vadia
apareceste tu....
trazias cheiro a maresia
flor de lótus nascida da nenúfar
cheia de mistérios e fantasia
filha do deserto, beleza incandescente
levada pelo perfume dos fenos
envolvida nos ventos
não fujas de mim
cavaleira desgarrada
de mistério sem fim
vens pelo cair da noite
envolves-te no orvalho
e foges de mim....
e outra vez o sol nascia
e a tua visão, ao meu lado irradia
deusa vadia!!!